Fala Brasil Adolescente mata pai em condomínio de luxo e alega legítima defesa

Adolescente mata pai em condomínio de luxo e alega legítima defesa

O jovem disse que agiu em legítima defesa para proteger a mãe

Um adolescente de 14 anos matou o próprio pai em um condomínio de luxo de Valinhos, no interior de São Paulo. O jovem disse que agiu em legítima defesa para proteger a mãe. O empresário morto colecionava armas e, no dia anterior ao crime, teria ameaçado a esposa e o filho de morte.

Últimas