Advogado explica os direitos trabalhistas com a suspensão do contrato especial de trabalho

A suspensão de contratos de trabalho, autorizada pelo governo para evitar demissões durante a crise econômica, começa a vencer hoje (30). Já são 60 dias de prazo máximo dos acordos fechados em abril. O advogado trabalhista Hélio Gustavo Alves, especialista em direito previdenciário, explica quais são os direitos do trabalhador com a suspensão. Para assistir ao Fala Brasil na íntegra, acesse PlayPlus.com