Câmara aprova lei que facilita divórcio de mulheres agredidas 

O projeto de lei prevê que o juiz da ação pode decretar o divórcio da vítima de violência doméstica. O texto segue para a aprovação do presidente da República, Jair Bolsonaro. Para assistir ao conteúdo na íntegra, acesse PlayPlus.com