Caso Henry

Fala Brasil Caso Henry: Mãe e padrasto não participam de reconstituição do crime

Caso Henry: Mãe e padrasto não participam de reconstituição do crime

Segundo a perícia, não havia marcas de sangue no local

Com base nos depoimentos de testemunhas, a polícia realizou ontem (1º) a reconstituição da morte de Henry Borel, de quatro anos, usando um boneco com as mesmas características do menino para entender como tudo aconteceu no apartamento onde ele morava com a mãe, Monique Medeiros, e o padrasto, o vereador Doutor Jairinho. Dois agentes foram escalados para simular a participação do casal, que não comparareceu. Segundo a perícia, não havia marcas de sangue no local.

Últimas