CPI da Covid

Fala Brasil CPI da Covid: Convocados garantem direito ao silêncio no STF

CPI da Covid: Convocados garantem direito ao silêncio no STF

Com depoimentos marcados para esta quinta (17), o empresário Carlos Wizard e o auditor Alexandre Figueiredo Costa Marques poderão ficar calados

A CPI da Covid vai ser retomada nesta quinta-feira (17) com mais duas testemunhas que recorreram ao Supremo Tribunal Federal para ter o direito de ficarem caladas: o empresário Carlos Wizard e o auditor Alexandre Figueiredo Costa Marques. Em paralelo a isso, o presidente Jair Bolsonaro usou um relatório produzido por ele para levantar a hipótese de que metade dos óbitos registados como consequência do coronavírus não teriam sido causados pela doença. O TCU desmentiu a informação e apurou que o documento foi inserido no sistema do tribunal sem autorização.

Últimas