Fala Brasil Infectologista explica pesquisa que mostra que coronavírus pode viver 28 dias em superfícies

Infectologista explica pesquisa que mostra que coronavírus pode viver 28 dias em superfícies

A notícia de que o coronavírus pode sobreviver por até 28 dias na tela do celular foi muito noticiada por todo o mundo e ligou o alerta para quem não larga o telefone. Mas para um infectologista ouvido pelo Fala Brasil, a pesquisa realizada na Austrália é alarmista. Basta manter os cuidados de desinfecção para se prevenir contra a doença.

Últimas