Investigações apontam que trem se deslocou antes de atropelar passageiro

As circunstâncias do acidente que matou um homem atropelado em uma estação de trem em São Paulo estão cercadas de mistério. A primeira versão apontava que ele teve um mal súbito e caiu. Agora, a própria CPTM admite que o trem, logo após parar, voltou a se deslocar. A família da vítima não aceitou a primeira versão apresentada de que Denílson Lima dos Santos, de 46 anos, foi atropelado pelo trem porque teve um mal súbito e caiu no vão entre a plataforma e o trem. Familiares alegaram que testemunhas estavam ao lado de Denílson e viram que o acidente aconteceu porque o trem decidiu fazer uma manobra logo após parar. Para assistir ao conteúdo na íntegra, acesse o PlayPlus.com