Preço do feijão sobe mais de 60% e começa a pesar no bolso dos brasileiros

Além do arroz, o preço do feijão subiu mais de 60% e começa a pesar no bolso do consumidor na hora de reabastecer a dispensa da casa. Para quem precisa fazer economia, a sugestão não poderia ser outra: é pesquisar para não faltar esse alimento básico e tão importante na sua mesa.