Fala Brasil Procurador Augusto Aras pede liberação de público em igrejas

Procurador Augusto Aras pede liberação de público em igrejas

Aras sustenta que a Constituição assegura a liberdade religiosa e que a assistência espiritual é essencial para o enfrentamento da pandemia

O procurador-geral da República, Augusto Aras, enviou ao Supremo Tribunal Federal um pedido para a suspensão dos decretos municipais e estaduais que proíbem cultos religiosos durante o isolamento social. Aras sustenta que a Constituição assegura a liberdade religiosa e que a assistência espiritual é essencial para o enfrentamento da pandemia.

Últimas