Fala Brasil Servidores da Abin são investigados por suspeita de monitorar celulares sem autorização

Servidores da Abin são investigados por suspeita de monitorar celulares sem autorização

A operação cumpre dois mandados de prisão preventiva em Brasília e cinco de afastamento do trabalho

  • Fala Brasil

A Polícia Federal realiza hoje (20) uma operação que investiga servidores da Agência Brasileira de Inteligência, a Abin. A suspeita é de uso irregular de tecnologia para monitorar telefones celulares sem autorização da Justiça. A operação cumpre dois mandados de prisão preventiva em brasília e cinco de afastamento do trabalho.

Últimas