Fala Brasil Vacina russa Sputnik V tem eficácia de mais de 90% contra o coronavírus

Vacina russa Sputnik V tem eficácia de mais de 90% contra o coronavírus

Vacina é aplicada em duas doses e vinha sendo alvo de críticas pela ausência dos resultados finais dos testes

Um estudo publicado pela revista científica britânica "The Lancet", que é uma referência na área, mostrou que a vacina russa Sputnik V tem mais de 90% de eficácia contra a covid-19. A análise dos dados sugere que a vacina reduz em 91,6% os casos com sintomas leves de covid-19. Quando se compara o grupo vacinado ao que recebeu placebo nos testes, a publicação britânica aponta ainda que, para casos moderados e graves, a eficácia chega a 100%, o que significa que uma pessoa que recebe a vacina russa não teria a versão mais grave da covid-19. Os dados também apresentam bons resultados em pessoas com mais de 60 anos. A vacina é aplicada em duas doses e até agora vinha sendo alvo de críticas pela ausência dos resultados finais dos testes.

Últimas