As muitas Dinás de hoje

"Se por um lado ela era a mais favorecida de todos, por outro, era a mais sem noção, já que com toda a proteção que recebia de todos, não tinha contato com o mundo fora do acampamento"

A curiosidade e a ingenuidade têm acabado com muitos jovens

A curiosidade e a ingenuidade têm acabado com muitos jovens

Blad Meneghel/Record TV

A vida de Diná devia ser cheia de mimos, tanto de seus pais e tias, quanto de seus irmãos, pois era a única garota da família de Israel. Se por um lado ela era a mais favorecida de todos, por outro, era a mais sem noção, já que com toda a proteção que recebia de todos, não tinha contato com o mundo fora do acampamento.  E assim, o desconhecido passou a ser seu alvo diariamente, especialmente quando ouvia falar de outras garotas da cidade.

Diz o texto sagrado que “Saiu Diná…para ver as filhas da terra.” Gênesis 34:1

Diná saiu sem a permissão dos pais, escondida, e sozinha para ver como as garotas da sua idade se vestiam, se comportavam, e faziam durante o dia. Uma atitude típica de qualquer jovem, mas que por vezes trazem consequências ruins, e às vezes até trágicas (como veremos na história dessa linda jovem). A curiosidade e a ingenuidade têm acabado com muitos jovens que da noite para o dia, se misturam com amizades erradas, entram para as drogas, e estragam um futuro promissor só por causa de uma decisão mal pensada.

Eis um dos principais papéis dos pais: proteger seus filhos. Vemos isso com muita frequência na própria natureza. Quantos animais são capazes de atacar e matar só por causa de seus filhotes? E a explicação é simples, os filhotes, assim como os filhos que ainda não chegaram à idade adulta, são ingênuos, não conseguem discernir o perigo, e podem facilmente ser manipulados.

Por isso que o que para muitos é “falta de liberdade”, para os sábios é “protetor”. Mesmo na era da Internet, em que nossas crianças estão sendo expostas a todos tipo de conteúdo, devemos nos posicionar como seus pais. Pais de verdade podem até ser odiados as vezes, mas protegem porque sabem que o importante não é fazer o que seus filhos querem e sim o que eles precisam.

Últimas