Entrevistas Felipe Roque elege rei Ibbi-Sim como trabalho mais desafiador

Felipe Roque elege rei Ibbi-Sim como trabalho mais desafiador

Um dos homens mais importantes de Ur dos Caldeus, personagem estará envolvido em trama marcada por traições e jogos de poder

  • Entrevistas | Bruna Oliveira, do R7

Ansioso para estrear em Gênesis, o ator Felipe Roque, que está na quarta fase da novela como o rei Ibbi-Sim, não tem dúvidas ao afirmar que este personagem é o mais desafiador da carreira.

Em entrevista ao site oficial, Felipe contou ter se dedicado ao máximo ao novo trabalho não somente pelo protagonismo, mas também pela construção elaborada que o personagem histórico precisava.

Felipe Roque interpreta Ibbi-Sim

Felipe Roque interpreta Ibbi-Sim

Blad Meneghel/ Record TV

Um dos homens mais importantes de Ur dos Caldeus, capital da Mesopotâmia, uma das regiões mais prósperas na virada do segundo milênio, Ibbi-Sim estará envolvido em uma trama marcada por traições, reviravoltas e jogos de poder.

"É um personagem que tem momentos que faz coisas ótimas e outros que faz coisas horrorosas. Então, ele passa por momentos de ansiedade, medo, alegrias, momentos em que ele se sente forte ou acuado", disse Felipe Roque.

O universo levou o ator a fazer uma longa preparação com a equipe da novela, que envolveu estudos do período histórico, aulas de luta com espada e construção do perfil psicológico do personagem.

Sem poder adiantar detalhes da história, Felipe revelou que as intrigas palacianas vão fazer o rei “dar uma enlouquecida” ao longo da trama.

"A cada mudança de fase, ele vai ficando um cara mais difícil, teimoso, melindrado, preocupado, inseguro, porque ele começa a ser muito traído e isso vira uma paranoia."

Para a civilização suméria, o rei tinha como função proteger e administrar a cidade em nome da divindade e, com isso, o personagem vai se entregar ao fanatismo. O ator Felipe Roque contou ter usado a série Vikings como uma referência para compor os descontroles emocionais de Ibbi-Sim.

"Acho que o Ivar [da série Vikings] é uma referência maravilhosa. [Ele tem] Uns surtos e, ao mesmo tempo, é um cara muito seguro do que quer. Na terceira fase, ele [Ibbi-Sim] tem muito isso. A intenção é [fazer] você não ter a certeza se ele, realmente, está dizendo aquilo que estava falando. A gente explorou muitos saltos, às vezes, até de ameaçar de uma forma rindo", explicou Felipe.

Nos bastidores, o ator demonstrou empolgação com cada detalhe do personagem, principalmente, ao falar da caracterização. Apaixonado pelo figurino de Ibbi-Sim, Felipe ainda disse que aprendeu a fazer a maquiagem do olho do personagem e até ensinou aos colegas de elenco.

"Na época, os povos do deserto tinham esse costume de fazer um [traço] preto embaixo do olho para evitar o reflexo. A gente [atores] faz isso para agilizar e até já se concentrar no personagem", disse.

E, antes de entrar no set, o ator falou sobre a expectativa para a nova fase da novela:

"Espero que o público curta muito, porque deu bastante trabalho para todos os envolvidos. E todo mundo aqui se dedicou 120% para entregar um produto que o pessoal goste. Foi prazeroso demais", finalizou.

Não perca as emoções de Gênesis na Record TV, de segunda a sexta, às 21h. Os melhores momentos da semana vão ao ar aos sábados, no mesmo horário. Os capítulos também estão disponíveis no PlayPlus.

Últimas