Entrevistas Julianne Trevisol celebra a repercussão da vilã Nidana em Gênesis

Julianne Trevisol celebra a repercussão da vilã Nidana em Gênesis

Atriz agradece a oportunidade de viver momentos intensos com a personagem e se transformar no "ranço da vez" da superprodução

  • Entrevistas | Vinícius Andrade, do site oficial*

Julianne Trevisol caracterizada de Nidana

Julianne Trevisol caracterizada de Nidana

Blad Meneghel/Record TV

A cada nova fase da novela Gênesis, o público atualiza com sucesso a "lista de ranços" e a superprodução prova que seu elenco dá show quando o assunto é  interpretação, deixando o público com raiva do outro lado tela ao se deparar com tantas maldades.

Nessa lista já entraram Caim (Eduardo Speroni), Lúcifer (Igor Rickin), Tali (Clara Niin) e Semíramis (Francisca Queiroz). A nova integrante desse seleto grupo, na quarta fase da trama, é a personagem Nidana, interpretada por Julianne Trevisol.

Atenta a repercussão do público, Julianne contou em entrevista ao site oficial sobre a interatividade das pessoas diante das atitudes prepotentes da vilã. 

"Adoro os memes, acho divertidíssimo, quando os recebo dou muita risada. Mesmo sendo uma novela de uma época específica, tem elementos muito atuais. Então, fazer uma personagem na TV é entender que nós estamos vivendo um momento de multiplataforma e precisamos conversar com todo tipo de público até para trazer para TV também", destaca Julianne. 

Na trama, Nidana tem uma devoção fervorosa pelos Deuses de Ur e, por isso, não mede esforços para perseguir Amat (Branca Messina), que acredita em um único Deus. 

"Ela não tem empatia com as pessoas que não acreditam nos seus deuses. A Nidana não consegue respeitar a crença da Amat. Isso vai despertando nela uma inveja e raiva cada vez maior por ver outras pessoas chegando na cidade e conquistando objetivos. É nesse momento que ela mostra o que ela é capaz de fazer para conseguir achar um caminho, que para ela é o certo".

Apesar da personagem ter atitudes desrespeitosas com a esposa de Terá, a atriz disse que ela consegue tirar boas risadas do público por conta do seu temperamento aflorado.

"Eu realmente explorei muito o lado humor ácido nela, para conseguir tornar isso um pouco engraçado. A maldade às vezes não é só crueldade", afirma Julianne.

Por fim, Julianne comemorou o sucesso da vilã em Gênesis e agradeceu pelo papel de destaque:

"Eu adoro interpretar uma vilã, porque acho que ninguém é apenas bom. Temos dentro da gente vários sentimentos. O vilão me dá a oportunidade de experimentar momentos intensos".

Não perca as próximas maldades de Nidana em Gênesis na Record TV, de segunda a sexta, às 21h. Os melhores momentos da semana vão ao ar aos sábados, no mesmo horário. Os capítulos e cenas extras também estão disponíveis no PlayPlus.

*Estagiário do site oficial, sob supervisão de Juliana Lambert 

Últimas