Mãe da primeira vítima fatal do coronavírus suspeita que filho foi contaminado no hospital

O porteiro aposentado Manoel Messias Freitas Filho, de 62 anos, foi a primeira vítima fatal do coronavírus no Brasil. O jornalismo da Record TV conversou com a mãe deste homem e ela conta o drama da situação vivida pela família. Dona Idália, 82, suspeita que o filho tenha se contaminado na unidade hospitalar, que atende na maioria idosos clientes de um plano de saúde. Para assistir ao Hoje Em Dia na íntegra, acesse o PlayPlus.com