Novidades no PlayPlus Doc Investigação conta o caso do serial killer de Goiânia

Doc Investigação conta o caso do serial killer de Goiânia

No sétimo episódio da série do PlayPlus, a repórter Thais Furlan conversa com autoridades envolvidas nas investigações do caso na época e familiares das jovens assassinadas

Sétimo episódio de Doc Investigação vai ao ar neste domingo (11), no PlayPlus

Sétimo episódio de Doc Investigação vai ao ar neste domingo (11), no PlayPlus

Divulgação/RECORD

No começo de 2014, a cidade de Goiânia (GO) foi aterrorizada por uma série de assassinatos de mulheres. O criminoso, pilotando uma moto e sempre de capacete, usava o mesmo método: aproximava-se de suas vítimas, todas mulheres jovens, e atirava a sangue frio, direto no coração.

A história do serial killer Thiago Henrique Gomes da Rocha está no sétimo episódio do Doc Investigação, que será disponibilizado para os assinantes do PlayPlus, serviço de streaming da RECORD, a partir deste domingo (11).  A repórter Thais Furlan foi até Goiânia e conversou com autoridades envolvidas nas investigações do caso na época, e também com familiares das jovens assassinadas. A série denuncia o ano em que o criminoso fez mais vítimas, enquanto a polícia negava existência do matador.

Polícia relutante

O vigilante, na ocasião com 26 anos, matou ao menos 17 mulheres nos primeiros oito meses de 2014. A imprensa e a opinião pública chamavam a atenção para as semelhanças entre as vítimas e as situações em que os crimes aconteciam. Mas a polícia relutava em admitir que havia um serial killer em ação na cidade. "... Os sinais estavam lá. Acho que dava para ter começado a investigação antes e acredito que algumas mortes poderiam ter sido evitadas," diz a jornalista Rosana Melo, que cobriu o caso pelo jornal O Popular.

O episódio do Doc Investigação relembra que, na época, um homem que não tinha nada a ver com os assassinatos acabou sendo acusado pelos crimes. Leandro Cardoso de Oliveira ficou preso por cerca de um mês e, em conversa com Thais Furlan, conta o que aconteceu. “Quebraram minha casa todinha, revirando tudo. Minha moto ficou presa... Foi pesado. Uma jogada deles para acalmar a sociedade, né? Bode expiatório, acho que eu fui nessa época”. 

Só 10 meses depois da primeira morte é que a polícia, finalmente, admitiu se tratar de um serial killer. Alguns dias mais tarde, com análises de câmeras de segurança e placas de motocicletas, o criminoso foi identificado e capturado. 

Psicopata cheio de raiva

Este sétimo episódio do Doc Investigação mostra alguns momentos do depoimento de Thiago da Rocha. A produção também exibe trechos de uma entrevista que o criminoso concedeu à RECORD.  “O meu corpo esquentava bastante, o coração acelerava. Muita raiva, raiva generalizada... Não sei o que vem a ser, alguns dizem que é uma psicopatia, mas acho que não é... Isso explodiu dentro de mim e eu não tive opção, a não ser fazer. Eu me livrava do sentimento ruim...”, disse o assassino. 

Pode ganhar a liberdade

Thiago foi condenado a 684 anos de prisão, julgado por 34 assassinatos, e considerado culpado por 31 mortes.  Preso no complexo prisional de Aparecida de Goiânia, ele ainda aguarda um julgamento por uma tentativa de homicídio. Apesar da pena extensa, o criminoso pode ser solto em 2044, após cumprir 30 anos. 

O sétimo episódio do Doc Investigação - O Serial Killer de Goiânia - estará disponível para todos os assinantes do PlayPlus a partir do próximo domingo (11). 

Sobre Thais Furlan:

Jornalista com mais de 20 anos de carreira, Thais está há 18 anos na RECORD, onde se destaca na realização de reportagens investigativas. Ela também já foi correspondente internacional da emissora em Nova York e Londres. 

SOBRE O PLAYPLUS  

PlayPlus é o serviço de streaming multiplataforma da RECORD, com conteúdos originais e exclusivos, transmissão ao vivo e simultânea da emissora, e acesso a toda programação dos canais RECORD, como novelas, jornalismo, reality shows, e diversos produtos inéditos: podcasts, rádios ao vivo e coberturas especiais. Para smartphones, o PlayPlus está disponível nas lojas de aplicativos da App Store (iOS) e Google Play (Android), para diversos modelos e marcas de SmarTVs, e também pelo site: www.playplus.com/

Últimas