Núcleo de jornalismo da Record TV nos Estados Unidos será centralizado em Miami

Centro de produção é o mais moderno entre as emissoras brasileiras no país

A correspondente internacional Evelyn Bastos passará a trabalhar em Miami, na Flórida

A correspondente internacional Evelyn Bastos passará a trabalhar em Miami, na Flórida

Divulgação/Record TV

A Record TV centralizará o seu núcleo de jornalismo norte-americano na nova sede da Record TV Américas em Miami, na Flórida.

O mais moderno centro de produção de uma emissora brasileira nos Estados Unidos foi inaugurado no final do ano passado.

Em contínuo crescimento e expansão na América do Norte, sempre levando aos telespectadores o melhor da língua portuguesa, a Record TV Américas conta com o que há de mais moderno em tecnologia audiovisual e tem capacidade e estúdios de produção para conteúdos inovadores, além das notícias locais, nacionais e do mundo.

Assim, antes centralizado em Nova York, o núcleo de jornalismo da Record TV, incluindo a correspondente internacional Evelyn Bastos, passará a utilizar toda estrutura da sede na Flórida, considerada o coração da comunidade brasileira.

Em uma área ampla, moderna e com tecnologia de última geração, as novas instalações representam o maior investimento de uma emissora brasileira nos Estados Unidos.

A Record TV Américas pode ser vista em todo o território americano e no Canadá e apresenta diariamente as principais notícias dos Estados Unidos e do mundo, apoiada em uma cobertura global dos fatos, com jornalismo ágil, moderno e comprometido com a verdade, feita por uma equipe de profissionais conceituados, distribuídos nos cinco continentes.