Delegação brasileira vai com quase 500 atletas para Lima 2019

Com a classificação do rúgbi no último fim de semana, ao menos 491 atletas brasileiros estarão no Pan de 26 de julho a 11 de agosto

Time Brasil para o Pan 2019 está definido

Quase 500 atletas brasileiros estarão na delegação

Quase 500 atletas brasileiros estarão na delegação

Washington Alves/Exemplus/COB

Após o Campeonato Sul Americano de Rúgbi, o Time Brasil que disputará os Jogos Pan-Americanos de 2019, em Lima, tem sua primeira versão desenhada. O COB (Comitê Olímpico do Brasil) divulgou a primeira lista com quase 500 atletas para Lima 2019.

Até agora são 472 atletas, entre fenômenos adolescentes, competidores consagrados em seus esportes e veteranos com 68 anos. A convocação ainda não é definitiva, já que algumas confederações revelarão nos próximos dias seus selecionados. Porém, segundo informações do COB, ao menos 491 atletas estarão representando o país no Pan 2019.

A lista aumentou após a heroica classificação do time de rugby sevens masculino, que conseguiu o segundo lugar no Sul Americano no último domingo, e portanto a classificação direta para o Pan, em sua última chance.

Time Brasil é um dos favoritos

Junto com Estados Unidos, Canadá e Cuba os atletas brasileiros devem apresentar o melhor desempenho entre os cerca de 6.880 competidores que estarão em Lima ao todo.

A delegação brasileira é favoritíssima ao ouro em diferentes modalidades. No surfe, ciclismo, canoagem, polo aquáticos, entre outros, o Brasil tem os melhores do mundo em seus respectivos esportes, que devem conquistar muitas vitórias em Lima.

O COB, porém, ainda não estabeleceu meta de medalhas, afirmando que o principal objetivo da delegação será classificar o máximo de atletas possível para os Jogos Olímpicos de Tóquio. A edição de Lima dos Jogos será a que mais trará oportunidades de classificação para as Olimpíadas na história do Pan.

Veja também: Veja as modalidades do Pan 2019 que classificam para as Olimpíadas

Terceiro colocado no quadro geral de medalhas do Pan desde 2007, os brasileiros sonham com o segundo lugar na competição amplamente dominada pelos EUA. Assim, os atletas brasileiros repetiriam o feito de 1963, quando a delegação brasileira foi vice-colocada nos Jogos Pan-Americanos, que tiveram como sede a cidade de São Paulo. 

Com a estreia de modalidades inéditas na competição, nas quais o Brasil já tem tradição ou os melhores atletas, não é exagero considerar que a delegação convocada pode disputar de igual para igual com Canadá e Cuba o valioso segundo lugar.

*estagiário do R7, sob supervisão de André Avelar

Conheça o Cuchimilco, presente para os medalhistas do Pan de Lima