Mulher com vitiligo faz peeling de fenol e manchas desaparecem. Veja!

O resultado surpreendente foi mostrado nesta quarta-feira (31) no programa Gugu 

Índia tem vitiligo, aos 60 anos

Índia tem vitiligo, aos 60 anos

Divulgação/Rede Record

O Gugu mostrou nesta quarta-feira (31), o tratamento que promete rejuvenescer a pele em até 20 anos e tem conquistado cada vez mais celebridades: o peeling de fenol. O procedimento, já testado nos famosos Ovelha e Rita Cadillac dentro do programa, foi experimentado por quatro pessoas do público, selecionadas pela produção.

Para serem aprovadas, todas passaram por exames específicos pois a fórmula que contém fenol é feita conforme as características de cada pele. Índia, portadora de vitiligo — doença que tira a pigmentação da pele —, foi a paciente que exigiu mais cuidado. "Você tem que devolver a célula que tem a memória antes do vitiligo. Ela não nasceu com vitiligo, adquiriu depois de uma certa idade", explicou o dr.José Kacowicz.

O vitiligo é uma enfermidade que atinge 1,5% da população mundial. Apenas no Brasil são mais de três milhões de pessoas. "No vitiligo facial, o melanócito não produz melanina ou a melanina não tem a coloração normal", completou o especialista.

Após a aplicação do fenol, os pacientes ficaram três dias isolados. Sem contato com o celular e animais de estimação. No último dia, o rosto ficou bem inchado e a pele descamando. No entanto, o próximo passo foi ainda pior: a remoção do material e a aplicação de um gesso de poliuretano com antibiótico. 

Os pacientes ficaram com o gesso durante uma semana e não puderam rir, falar ou fazer movimentos com a boca. Depois de 11 dias de dor, sacrifício e determinação, a máscara foi retirada e eles ainda tiveram que ficar isolados durante uma semana. 

Compare o antes e depois!