Assédio sexual, comportamento inadequado ao volante e ausência de uma comunicação em português são algumas das queixas mais apresentadas por utilizadores das plataformas TVDE. O Instituto e a Autoridade da Mobilidade e dos Transportes confirmam as reclamações e admitem a necessidade de rever a lei, mas as mudanças podem não estar para breve.

Últimas