Família faz queixa contra Hospital Amadora-Sintra

A família de uma doente acusa o Amadora-Sintra de negligência.
Ao fim de 21 dias internada, a mulher que sofre de obesidade e problemas respiratórios ganhou uma úlcera de pressão.
A ferida agravou-se e a doente tem agora um buraco de grandes dimensões na zona lombar.
Já o hospital, garante à Record TV que todos os procedimentos foram cumpridos.