TV Cidade Fortaleza Grupo Cidade se mobilizou para divulgar Power Couple Brasil

Grupo Cidade se mobilizou para divulgar Power Couple Brasil

TV CIDADE

Juntos, somos mais fortes. A frase que simboliza a energia e a união do Grupo Cidade de Comunicação é reflexo do entrosamento e da dedicação de todos que integram a equipe da empresa. No dia a dia, na hora de produzir um conteúdo completo e também no momento de divulgar alguma estreia de seus afiliados.

Em virtude da estreia do Power Couple Brasil no próximo domingo (09), uma verdadeira força-tarefa foi planejada visando impactar o maior número possível de telespectadores, ouvintes e internautas. Nos programas da TV Cidade Fortaleza, emissora Record TV no Ceará, além de chamadas realizadas pelos apresentadores locais, um quiz entre nosso elenco testou a interação e o conhecimento entre os casais. Nas rádios, mais divulgação e entrevistas com a apresentadora Adriane Galisteu, que também foi destaque no portal de notícias GCMAIS.

Acompanhe abaixo a entrevista:

A trajetória de Adriane Galisteu se mistura com a própria história da televisão brasileira nas últimas décadas. Agora, em 2021, a artista começa um novo desafio, o de apresentar um reality show do qual, nas palavras dela, é fã. A partir das 22h45 deste domingo (9), Galisteu assume o comando da 5ª temporada do Power Couple Brasil.

Programas de televisão não são nenhuma novidade para você, o Brasil já te conhece há anos das telinhas. Mas, agora, apresentando o Power Couple Brasil, quais são os seus maiores desafios?

Sabe que o programa ao vivo, para mim, é desafiador no sentido de responsabilidade. Você está com o microfone aberto, falando com o Brasil inteiro, com boa parte do mundo. São momentos de adrenalina, de emoção. Quem trabalha com comunicação na TV entende. Mas eu sou “bicho do ao vivo”, eu gosto de fazer programa ao vivo. Então, eu acho que o maior desafio é conseguir me manter longe e não me apegar aos participantes. Porque é natural, a gente acaba criando uma afinidade logo de cara, principalmente porque tem alguns casais que eu conheço. Conseguir me manter neutra, distante, é o meu maior desafio no programa. E também não ficar dando spoiler, porque eu tenho a língua grande, gosto de falar, vou querer contar algumas coisas específicas para o público, então, eu vou ter que me conter. Eu acho que me conter é o meu grande desafio.

Em outros momentos, você já falou sobre ser fã do Power Couple. Agora, você parte para a apresentação. Você acha que vai conseguir manter a imparcialidade? Ou vai torcer para alguém?

Eu não vou torcer para ninguém, eu vou ser imparcial, apesar de ser a minha maior dificuldade. Mas, como apresentadora, eu vou me manter neutra, vou torcer por todos. A gente acaba mantendo um relacionamento, mesmo que longe fisicamente, porque a gente está seguindo todos os protocolos de segurança, mas a gente acaba ficando perto. Antes, eu convivia com o Power Couple apenas no Play Plus e na televisão, no horário do ao vivo. Agora, além do Play Plus, eu vou estar lá com eles de alguma maneira, assistindo no switch, assistindo no camarim, eu vou estar com as câmeras todas acompanhando cada detalhe. Mas eu vou me manter neutra, pode ter certeza.

Nas redes sociais, a gente acompanha o quanto a sua rotina é corrida. Você acha que, depois da estreia do programa, neste domingo, você vai conseguir conciliar tudo?

Eu estou 100% dedicada ao Power Couple. Eu freei tudo que eu estava fazendo, eu vou continuar só com o meu canal no YouTube e meu podcast, mas eu vou fazer de lá mesmo, e os temas vão ser todos ligados ao Power Couple porque é isso que eu vou estar vivendo. Então, eu vou estar 100% dedicada ao programa por três meses. Do primeiro ao último dia, a minha vida vai ser totalmente focada no Power. Eu vou ficar por lá o máximo de tempo possível. Quando eu não estiver por lá, eu venho para casa, mas a minha conexão ainda será com os casais.

O público do Power Couple adora interagir com o programa nas redes sociais. Você acha que vai conseguir acompanhar as redes durante o reality?

Eu imagino que eu vou conseguir alimentar as minhas redes sociais e as redes sociais do Power. Eu quero estar super perto do público, dos fãs do programa, inclusive nas redes sociais. É assim que eu imagino. Mas, na prática, se isso vai acontecer ou não, precisa começar. Eu quero muito poder estar perto, poder alimentar as minhas redes, e quero que as pessoas estejam comigo, nas lives, nos bate-papos. Agora, como vai ser quando o programa começar, não sei. Mas, enquanto isso, já vai deixando comentários, já pode começar a entrar nas minhas redes, porque eu já tenho falado de Power Couple. Já pode chegar com os seus comentários, com as interferências, eu acho que a gente cria e segue o programa juntos, esse programa foi pensado no público, é para eles que a gente está lá. Então, a gente tem que criar e fazer ele acontecer todo mundo juntos.

Você já assistiu a várias temporadas do Power Couple, então, sabe como o jogo funciona. Você e o seu marido, Alê Iódice, teriam coragem de participar?

Eu participaria, o Alê não participaria. Então, provavelmente a gente não iria. (risos) O Alê é muito diferente de mim, ele é competitivo, mas ele é tímido. Eu sou mais entretenimento, sou mais da galera, conversar, bater papo. Ele é mais focado do que eu. Em compensação, ele tem menos paciência. Eu acho que o Alê seria aquele cara eliminado na primeira semana, que não dá tempo nem de mostrar que é maravilhoso? (risos) Eu acho que ou ele seria eliminado na primeira semana ou ele levaria o prêmio. Mas ninguém acharia a gente aquele casal mais ou menos. Porque a gente não é morno, ou a gente está fervendo ou a gente está gelado. Não dá para fazer o papel da planta, não dá para fazer o papel do móveis e utensílios, a gente tem que, realmente, fazer as coisas acontecerem. Mas eu acho que, como casal, seria difícil a gente participar. Porque 50% topa, 50% não topa, como é que faz?

Domingo, tem a estreia do Power Couple Brasil e, também, o seu retorno para as telas da Record TV. Como está a expectativa para este momento?

Muito animada, estou cheia de energia, com a expectativa lá em cima, feliz da vida de voltar a fazer o que eu amo, como se eu não tivesse saído. É uma sensação de intimidade que eu criei há muitos anos atrás e que continua até hoje.

Grupo Cidade

O Grupo Cidade de Comunicação é o maior produtor de conteúdo jornalístico e de entretenimento do estado do Ceará, com sete emissoras de rádio, um portal de notícias e uma emissora de televisão.

Compõem o Grupo Cidade: a TV Cidade Fortaleza, o portal de notícias GCMAIS e as rádios Atlântico Sul FM 105.7, Cidade 99.1, Jovem Pan Fortaleza 94,7, Jovem Pan News 92,9, Jovem Pan Jericoacoara 91,7, 89,9 FM e Cidade AM 860.

Últimas