TV Vitória TV Vitória | RECORD exibe série teen aos domingos

TV Vitória | RECORD exibe série teen aos domingos

A produção destaca-se pelo elenco diverso, que aborda o respeito ao próximo e a compreensão de limitações

  • TV Vitória | RECORD Emissoras

Elenco do seriado | Foto: Divulgação

Elenco do seriado | Foto: Divulgação

Divulgação TV Vitória

A TV Vitória | RECORD vai passar a exibir neste domingo, dia 7 de janeiro, às 10 horas, a série “Entrelaçados, o Musical”. O seriado é composto por um elenco diverso e com o desafio de levar a mensagem sobre a importância do respeito ao próximo, do entendimento das limitações e da busca de solução para as dificuldades de um jeito leve.

Os dramas e questões próprios da adolescência são abordados pelo elenco com muita transparência, leveza com muita música, de forma a chamar a atenção do público e se conectar com os jovens.

Na TV Vitória | RECORD serão exibidas duas temporadas da série. Na primeira, que é um musical com 14 músicas exclusivas, um grupo de jovens se encontra em uma clínica de reabilitação terapêutica e vive as mais importantes descobertas de suas vidas. No lugar, eles aprendem a conviver em grupo, a se importar com o próximo e a pedir ajuda sempre que necessário.

Na temporada, também são abordadas as diferenças que existem entre os jovens e as dificuldades que as famílias encontram para apoiá-los, enquanto não estão prontos para receber o acolhimento. A temporada discute temas sensíveis e que estão presentes no universo desses jovens, em todas as classes sociais, de uma forma em que o público consiga se identificar.
A segunda temporada conta com dois núcleos de atores, que contracenam entre si em episódios que têm como foco as questões ligadas ao universo profissional e às escolhas que eles precisam fazer para suas vidas.

Conceito e roteiro
A ideia do seriado “Entrelaçados” foi da atriz Giulia Ayumi, de 22 anos. Aos 12, ela começou sua carreira, fez novelas, um filme e sentiu a necessidade de, incialmente, ensinar dramaturgia para quem quisesse ser ator, numa espécie de curso ou imersão. Ela começou, então, junto com a mãe, a produtora Gianna Esteves, e um roteirista a série “Condomínio do Barulho”, exclusiva para o YouTube. Foram três temporadas de muito sucesso, sendo a primeira série teen do Brasil a alcançar números superlativos, como 3 milhões de visualizações em um único episódio.

Seriado é focado em respeito ao próximo e diversidade | Foto: Divulgação
Seriado é focado em respeito ao próximo e diversidade | Foto: Divulgação Divulgação TV Vitória

Depois da série, Giulia roteirizou e produziu a peça “Conectados”, um projeto que já falava sobre aceitação, diferença, problemas que os adolescentes passavam em casa com os pais, questões com o corpo e sexualidade etc. Foram três meses em cartaz no Rio de Janeiro, mas a vontade de atingir um público ainda maior era grande, e Giulia convidou um roteirista para, juntos, escreverem “Entrelaçados, o Musical”.

“O objetivo da série é fazer com adolescentes e a população de forma geral entendam que dificuldades vão existir, seja com a família, seja nos relacionamentos, mas que precisamos transpor essas dificuldades. Sofrer bullying calado só vai agravar. A gente quer passar a mensagem de que a arte é transformadora porque conecta pessoas de forma diferente”, ressalta a produtora da série e mãe de Giulia, Gianna Esteves.

Ela conta que o seriado já tem duas temporadas prontas, que serão exibidas pela TV Vitória | RECORD, e uma terceira em finalização. A quarta temporada vai ser gravada em breve em Goiás. Dos 30 atores de “Entrelaçados”, 10 são capixabas.

Últimas