Repórter Record Investigação Namorada de Rafael Miguel fala sobre o assassinato do ator em entrevista ao RRI

Namorada de Rafael Miguel fala sobre o assassinato do ator em entrevista ao RRI

Adriana Araújo conversa com exclusividade com Isabela Tibcherani sobre o Caso Cupertino, no programa desta quinta-feira (27), às 22h30

Divulgação/Record TV

No Repórter Record Investigação desta quinta-feira (27), Adriana Araújo entrevista Isabela Tibcherani, um ano após o pai da jovem ter assassinado seu namorado, o ator Rafael Miguel, e os pais dele.

A jovem, de 19 anos, é filha de Paulo Cupertino, um dos homens mais procurados pela polícia atualmente.

Cupertino matou o namorado da filha, o ator Rafael Miguel, e os pais dele, Miriam Selma Miguel e João Alcisio Miguel, no dia 9 de junho de 2019, após um ataque de fúria. O criminoso proibia Isabela de se relacionar com Rafael.

Durante a produção da primeira reportagem, exibida na última quinta-feira (20), ela falou com a jornalista Adriana Araújo apenas por telefone. Mas depois, ela procurou o Repórter Record Investigação disposta a conversar pessoalmente.

Adriana Araújo entrevista a jovem no RRI desta quinta (27)

Adriana Araújo entrevista a jovem no RRI desta quinta (27)

Divulgação/Record TV

Nessa entrevista exclusiva, de mais de três horas, nos estúdios da Record TV, Isabela conta tudo que sabe sobre o crime. E faz revelações dos momentos de horror que viveu ao lado do pai. "Ele espancava minha mãe. Espancamentos sérios. Não é pouco coisa", conta.

Desde menina, Isabela presenciou a mãe apanhar do pai. "Uma vez, eu vi minha mãe sair do carro irreconhecível. Eu era muito pequena. Não entendia nada", recorda-se.

Paulo Cupertino mantinha duas famílias. Foi casado com Maria Quitéria, com que teve dois filhos. Mas, há mais de 20 anos, ele se envolveu com Vanessa Tibcherani.

Dessa união nasceram Isabela e o caçula. A família morava em uma pequena casa ao lado da oficina dele, que funcionava como desmanche.

Isabela diz também ter sido agredida por Cupertino ao longo da infância e adolescência: "Era tapão na cabeça, soco nas costas. Certa vez, eu estava lavando louça, eu acho, estava de costas, quando ele entrou na cozinha, perguntou alguma coisa, mas eu não respondi. Aí ele pegou um prato e quebrou na minha cabeça".

E mais: trocas de mensagens entre Eduardo José Machado, Wanderlei Antunes, amigos do assassino, e Cupertino mostram toda trama para ajudar o criminoso a escapar da polícia após o triplo assassinato.

Não perca Revelações do caso Cupertino - episódio final, no Repórter Record Investigação desta quinta-feira (27), às 22h30, na Record TV.

Últimas