Empresário é preso acusado de dar golpes em servidores públicos

Roniel Cardoso do Santos já fechou contratos com artistas famosos, como Wesley Safadão, e foi preso no Rio de Janeiro acusado de lucrar R$ 50 milhões com golpes. O alvo do estelionatário era funcionários públicos, que foram enganados com a promessa de lucros milionários ao investir no agronegócio. Para assistir ao conteúdo na íntegra, acesse o PlayPlus.com