4º Diário da Mirela - 17/06/2022

"É difícil entender por que a gente faz o que faz, até que aquilo que procuramos não lembrar mais vem à tona" 

"Por isso, se algo me incomoda, o melhor que eu tenho a fazer é dar um jeito de resolver logo"

"Por isso, se algo me incomoda, o melhor que eu tenho a fazer é dar um jeito de resolver logo"

Reprodução/Record TV

"É difícil entender por que a gente faz o que faz, até que aquilo que procuramos não lembrar mais vem à tona. E aí, tudo começa a fazer sentido: do por que tu precisa tanto da atenção alheia, por que há tanta resistência contra aqueles que são da própria família e por que às vezes descontamos isso nas pessoas que não têm nada a ver o que tu passou.

Sabe aquela história de pensar só nas coisas que me deixam feliz? Pois é, hoje eu percebi que, quando eu faço isso, eu acabo deixando situações mal resolvidas se acumulando. Por isso, se algo me incomoda, o melhor que eu tenho a fazer é dar um jeito de resolver logo. Sem ficar deixando para depois, sem fugir e sem ignorar.

Então, eu preciso, sim, pensar em alguma maneira de redimir com o Erick. Eu acho que já até sei o que fazer, e tem a ver com aquilo que minha mãe nunca fez por mim: se importar. Ela nunca ligou para os meus sentimentos ou para aquilo que eu realmente precisava, mas eu vou fazer isso pelo Erick.

Pode ser mesmo que eu e a Dalila temos mais coisas em comum do que eu podia imaginar e eu também estou disposta a provar que eu não sou igual a minha mãe. Tá, eu sei que eu acabei agindo como ela quando eu magoei o Erick, colocando meus desejos acima das pessoas, mas agora vai ser diferente.

Eu quero fazer o que a minha avó faz: ela, sim, me nota, me percebe e se importa comigo. Ela foi tão criativa gravando aquele vídeo, se superou só para me ajudar. É, esse é o tipo de pessoa que eu quero ser!" 

Últimas