Top Chef Brasil Mariane desabafa após Top Chef: “Tenho muito amor pelo o que faço” 

Mariane desabafa após Top Chef: “Tenho muito amor pelo o que faço” 

Eliminada na primeira semana do reality culinário, a chef paulistana rebate críticas, fala sobre preconceito e conta para quem vai a sua torcida

Mariane garante que nunca faltou paixão na cozinha

Mariane garante que nunca faltou paixão na cozinha

Antonio Chahestian/Record TV

Nada mais frustrante para quem decide participar de um reality show do que ser eliminado na primeira semana. No caso do Top Chef Brasil, não significa apenas dar adeus ao prêmio de R$ 300 mil, mas perder a oportunidade de mostrar a cara para o Brasil, ou melhor, os pratos.
Pouco mais de um mês após deixar o programa exibido pela Record TV, a primeira eliminada do Top Chef, Mariane Kolchraiber, de 26 anos, vence a timidez e rebate as críticas recebidas no programa: “Eu respeito a opinião deles, mas não acho uma boa avaliação dizer que faltou paixão, considerando um período tão curto. Eu trabalho com gastronomia desde os 13 anos de idade, não é que eu simplesmente decidi fazer para posar de chef. Eu tenho muito amor pelo o que faço, só foi um dia ruim. Eu contei a minha história para vocês e os lugares que passei. Trabalhar em um país árabe e ser a maioria das vezes a única mulher na cozinha me deixou com a postura que tenho hoje em dia. Não gostei de ser julgada, principalmente pelo o que eu aparento. Respeito os jurados, porém já basta o preconceito do dia a dia. Nunca vou esquecer o Felipe Bronze me dizendo que eu era muito séria”, desabafa.
A competidora que não agradou os jurados com seu Steak Tartare no Desafio da Eliminação leva do programa as novas amizades e gostaria de estreitar laços com todos, em especial com Bia Leitão.
Para Mariane, a sua eliminação foi confusa. “O fato da Ailin Aleixo dizer que não podia ter nenhum pontinho de outra cor no prato, claramente me atrapalhou. Mas decidi aceitar porque era para ser assim! Se eu pudesse fazer algo diferente, teria ignorado o jurado e feito meu prato com os ingredientes que eu tinha colocado no Tartare (manjerona, cebola roxa e erva doce) porque no fim ter pontinhos de outra cor não importou para nenhum Tartare. Assim, ela não teria reclamado da pimenta rosa que eu tive que improvisar. E sem dúvida eu não teria saído”, observa.

Fora do Top Chef

Ao voltar para a cozinha após o Top Chef, Mariane “lavou a alma” com um doce presente: “Fiz um bolo de coco para a minha mãe”, conta a chef, que torce para que Giovanna ou Dadis levem o grande prêmio e segue a vida sempre com muito amor e paixão pela cozinha.

O Top Chef Brasil vai ao ar às quartas-feiras, às 22h50, na tela da Record TV.