Balanço Geral Quadrilha suspeita de praticar "crime da sedução" passa por audiência de custódia e continua presa

Quadrilha suspeita de praticar "crime da sedução" passa por audiência de custódia e continua presa

Até agora, são sete suspeitos que vão ficar atrás das grades 

Sete pessoas estão em prisão temporária, suspeitas de praticar uma nova modalidade de crime: o "crime da sedução". O golpe funciona assim: os comparsas ficam do lado de fora de bares na Vila Madalena, em São Paulo, observando quem chega. Eles escolhem os clientes com carros de luxo, relógios caros e roupas de grife e avisam às "princesas do crime". No bar, o papel delas é seduzir as vítimas, que depois são levadas para um cativeiro.

Últimas