Cidade Alerta Doces alucinógenos: irmãs que vendiam chocolates recheados com drogas são presas

Doces alucinógenos: irmãs que vendiam chocolates recheados com drogas são presas

A polícia chegou até elas depois que um dos clientes passou mal

Duas irmãs que vendiam chocolates recheados com cogumelos alucinógenos para pessoas da alta sociedade paulistana são presas em Mairiporã, na Grande São Paulo. Isadora, de 29 anos, e Verônica, de 33, comandavam um esquema altamente lucrativo. A fábrica de doces ilegais ficava em uma mansão e os clientes eram escolhidos a dedo e, após uma minuciosa checagem, tinham acesso ao cardápio oferecido pela fábrica de chocolate do crime. Os ingredientes eram de alta qualidade e para todos os gostos, até doces diet e veganos eram produzidos. Alguns clientes chegavam de helicóptero para retirar as encomendas e como alguns ingredientes eram importados, a polícia também investiga um possível envolvimento das irmãs com o tráfico internacional de drogas. A polícia chegou até elas depois que um dos clientes passou mal, foi ao hospital, contou sobre o doce que comeu, deu uma amostra do alimento e na perícia encontraram a substância ilegal.

Últimas